Resenha: Um Porto Seguro – Nicholas Sparks

livro-um-porto-seguro-nicholas-sparks-lacrado-frete-gratis-10660-MLB20032826936_012014-F

Bom dia!

Hoje eu vim compartilhar a resenha do livro Um Porto Seguro, escrito pelo Nicholas Sparks e publicado pela Editora Novo Conceito.

Vou começar confessando: Eu amo os livros do Nicholas Sparks. Tenho vários já e adoro todos e chorei na maioria. Nos que não chorei, posso afirmar que eles me tocaram também, de alguma forma.

Um Porto Seguro me lembrou, em algumas partes, O Guardião, também do Nicholas Spaks, porque eles tem o mesmo fundo, de um homem controlador e agressivo, embora as histórias sejam muito diferentes.

Esse livro conta a história do recomeço de Katie; de um paizão muito fofo que é o Alex, que se esforça para criar bem os filhos: Josh e Kristen, após ter ficado viúvo; conta brevemente a doença da Carly, mulher falecida do Alex e as duas cartas que ela deixou. E as cartas são tão lindas! Conta também sobre Jo, uma amiga muito sincera e que acho que qualquer um gostaria de ter, ela é vizinha da Katie.

O livro conta o romance acontecendo entre Katie e Alex, cada um superando as tragédias de suas próprias vidas. O livro é lindo, bem escrito e a história é muito envolvente.

20141129_175127[1]

Como é meu hábito eu não vou contar a história para vocês, pois acho interessante a descoberta, conforme a leitura. Posso afirmar que é uma história de uma mulher muito corajosa e inteligente, tentando recomeçar sua vida.

Quem acompanha o blog sabe que eu gosto de transcrever meus trechos favoritos, então:

“Ao mesmo tempo, ela sentiu uma onda inesperada e repentina de esperança. Apesar da tragédia que eles tinham atravessado, aquela família parecia ser feliz. Era isso que uma família que se ama fazia quando estavam juntos. Para eles, não era nada além de um dia comum no final de semana, mas, para Katie, havia algo parecido com uma revelação: perceber que, após tantos anos, momentos felizes como aquele podiam existir. E que talvez, algum dia, ela teria a possibilidade de viver dias parecidos com aqueles no futuro.” Katie, pg. 127.

“Todo mundo tem um passado, mas ele se limita a ser apenas o passado. Você pode aprender com ele, mas não pode mudá-lo. A pessoa que eu conheço é aquela que eu quero conhecer ainda melhor” Alex, pg. 160.

“O amor não significa nada se você não estiver disposta a assumir um compromisso e você não pode pensar apenas no que quer. Você tem que pensar também no que ele quer. Não apenas agora, mas também no futuro.” Jo, pg. 241.

“Há sonhos que nos visitam e que nos deixam com uma sensação de plenitude quando acordamos e há sonhos que fazem com que valha a pena viver a vida. Você, meu querido e doce marido, é esse sonho e eu fico triste por ter que colocar em palavras o que eu sinto por você.” Carly, primeira carta, pg. 280.

“Mas eu realmente acredito que, embora o amor possa ferir, ele também seja capaz de curar…e, é por isso que eu escrevi uma outra carta…[…] Confie nos seus instintos, assim como eu fiz na noite em que se aproximou de mim pela primeira vez. Você saberá o momento e o local para fazer o que lhe peço, assim como saberá quem é a mulher que merecerá lê-la. E, quando souber quem é essa pessoa, confie nestas palavras. Em algum lugar, de algum modo, estarei sorrindo e feliz por vocês dois.” Carly, primeira carta, pg. 281.

“[…] eu passei a acreditar que, na vida de cada um, há um momento inegável de mudança; um conjunto de circunstâncias que, repentinamente, faz com que tudo se transforme.” Carly, segunda carta, pg. 408.

“Jo levantou a mão em um aceno amistoso e Katie se lembrou mais uma vez de que o amor é capaz de alcançar o impossível.” pg. 413.

Quando leio um livro, busco a lição dele, e pra mim, essas duas últimas frases são as lições desse livro.

Um Porto Seguro é clichê, um romance lindo que nos faz querer conhecer o Alex e seus dois filhos. Que nos faz admirar a Katie ao pensar tudo que ela fez para mudar seu destino.

Como fã do Nicholas Sparks eu recomendo o livro, mas não vou contar a vocês o porque ele vale a pena ser lido. Ele tem no final uma surpresa, que na minha opinião, foi agradável.

Aproveitem.

Beijos